segunda-feira, 13 de julho de 2009

Segredos Compartilhados


Arte de:Sigmar Polke
Lorenzo Ganzo Galarça


Tanto os homens como as mulheres preservam certos hábitos restritos à espécie. Pequenos segredos compartilhados ao mesmo gênero.

Outro dia, encontrei uma escuta cor-de-rosa escondida de baixo da pia do banheiro dos homens. De fato, todos querem desvendar os segredos alheios.

Em casa, na suíte do quarto, os homens reclamam dos cabelos entupindo o ralo; as mulheres, da grande boca aberta do vaso. Dentro da intimidade do matrimônio, é bastante aceitável essa troca de informações secretas. É a concretização da confiança. Uma traição aceita pelo grupo.

Bem, se compartilhar segredos é intimidade, então porque os banheiros mistos não são os grandes casamenteiros do século XXI ?

É simples, banheiros mistos são câmaras de higienização. É o único lugar do mundo aonde você perde a cidadania, o sexo, a liberdade. Você deve deixar a sexualidade do lado de fora antes de entrar. O banheiro misto tornou-se uma vala comum.

De fato, é uma pena. O banheiro misto poderia ter sido o buraco da fechadura dos sexos. Foi trocado por mais uma simples fachada de direitos iguais.

Ele tornou-se, de fato, golpe de misericórdia das singularidades. As pessoas envergonham-se de suas particularidades dentro de tanta indiferença. É como se houvesse alguém fazendo pouco caso das nossas histórias.

A beleza da individualidade cedeu lugar à violência da produção em série.

Portanto, você, que sabe a marca do absorvente de sua namorada, você, que reclama da tampa do vaso aberta, você, que fica louco com alguns fios de cabelo no ralo do chuveiro.

Entenda: Apenas não respeitamos aquilo que ainda não aprendemos a amar.

Assim, reconhecerá que o que mais ama em sua companheira, ou em seu companheiro, é poder fazer parte de todos os seus segredos.

O Amor empresta a chave da casa.

5 comentários:

Cínthya Verri disse...

gostei do olhar. Beijo meu.

e.guedes disse...

É isso aí, querido Lorenzo. É isso mesmo! "Cuanta verdad", como dizem os portenhos... um beijo carinho da Eli

Juliana Vermelho Martins disse...

Eu continuo achando que você mente a idade :-)

christiane ganzo disse...

hahhahaha.

Obrigado pelo carinho.

Tiger IV disse...

"O Amor empresta a chave de casa"
Bárbaro... muito bom..

Beijo, filho