domingo, 14 de setembro de 2008

Os magia dos momentos

A essência da vida encontra-se nos momentos de intensa vivência. Encontra-se quando se pode desfrutar o que se tem.Os momentos de vivência não podem ser explicados.Quando tentamos, eles já não são mais o que foram. Nunca poderão mais ser. Agora, eles se tornaram outra coisa. Se tornaram uma justificativa.
Uma explicação de vida, de sentimentos.
São apenas frases. Sem boca para monstrarem-se.

Minha vida inteira procurei responder as perguntas que me indagavam.
Pois não gostava do desconhecido.
Do que não me era claro.
Hoje em dia, busco não justificar-me. Apenas sentir-me.Aproveitar cada segundo que meu coração bate. Independente da minha vontade.

Vejo-a descer as escadas. Batendo firme o pé no chão. Fazendo balançar o corrimão. Seus cabelos balançam de lá para cá trazendo consigo um sorriso lindo.

Estar atento à vida foi a melhor conquista que já tive. Sou grato ao mundo, por me deixar esfolar o joelho andando bicicleta. Por poder tirar a casquinha do machucado. Sou grato por me deixarem sentir. Por me deixarem amar os meus erros.

Que nunca erros foram. Cada erro foi acerto.
Um acerto diferente. Um acerto sem certeza.

Um acerto meio incerto.


Lorenzo G.G.

Um comentário:

pensar disse...

Naveguei um pouco mais em tuas palavras, e fui me indo, indo.
Que magia.Que sentido lindo que tu da ao sentindo, e assim vai sentindo.
Que maravilha de pessoa, pulsante, vivente.E de lindas palavras.
Bjs